Segurança

Padrasto é preso suspeito de abuso sexual contra enteada em Macapá

A Força Integrada de Combate ao Crime Organizado no Amapá (FICCO/AP) prendeu um homem, de 33 anos, com mandado de prisão preventiva em aberto por estupro de vulnerável, na tarde desta segunda-feira, 30, no bairro Santa Rita, em Macapá.

A ação se deu a partir de uma investigação iniciada quando o próprio preso se apresentou em uma delegacia da Polícia Civil do Amapá, afirmando que havia abusado sexualmente da filha de sua namorada, com quem ele convive há mais de sete anos.

O casal morava na mesma casa, juntamente com a criança violentada, e no termo de depoimento prestado pelo próprio investigado, ele afirma que aproveitava as madrugadas para violentar sexualmente a menor.

O homem, que a princípio prestou esclarecimentos sobre o ocorrido à Polícia Civil, se escondeu da polícia em uma primeira tentativa de prisão na semana passada, e somente hoje os policiais da PF conseguiram encontrá-lo. Ele estava escondido em um conjunto de casas atrás de um lava-jato localizado no bairro Santa Rita.

Ele foi encaminhado à Polícia Civil, onde as medidas cabíveis foram tomadas, e será direcionado ao presídio, podendo cumprir até 15 anos de prisão.

Fazem parte da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado no Amapá (FICCO/AP), a Polícia Federal, PRF, PM, PC, IAPEN e SEJUSP.