Cidades

Luau na Samaúma celebra os 80 anos da Rainha da Amazônia nesta sexta-feira, 1º de dezembro

Dezembro inicia com a 2ª edição Luau na Samaúma especial, para festejar os 80 anos da samaumeira plantada na praça em que o evento é realizado. Promovido pelo Ministério Público do Amapá (MP-AP), Governo do Estado (GEA) e Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/AP), o evento será nesta sexta-feira, 1º de dezembro. Música, poesia, literatura, empreendedorismo, exposições, contação de histórias, praça de alimentação, oficina Mini-Chefe são as atrações oferecidas ao público. Nesta terça-feira, 28, uma reunião de alinhamento foi realizada, com a presença de representantes dos órgãos parceiros.

Às 17hs já estará disponível a Tenda Literária, onde haverá exposição e comercialização de livros e declamações poéticas; a Praça de alimentação; e a exposição de produtos da economia criativa, como alimentos e artesanato. O número de empreendedores contemplados foi ampliado e, nesta edição, serão 10 estandes com comercialização de alimentos e bebidas. Ao redor da samaúma estarão 19 empreendedores da economia criativa, comercializando produtos artesanais.

Atrações para crianças e adultos

A oficina Mini-Chefe, promovida pelo Sebrae/AP, será oferecida para 60 crianças dos bairros próximos à Praça da Samaúma e também para as que quiserem se inscrever na hora do evento.  A contadora de histórias Angelita estará promovendo entretenimento para as crianças de todas as idades.

As atrações musicais no palco começam a se apresentar após os Cortejos Artístico. Estão confirmadas a Banda da Polícia Militar (PM-AP), o cantor e compositor Zé Miguel, o grupo de samba Entre Amigos e o bregueiro Mauro Cotta.

80 anos da Samaúma

Conhecida como “árvore da vida”, ou “rainha da Amazônia”, a samaumeira é o símbolo do Ministério Público do Amapá (MP-AP).

Ao adquirir o terreno onde seria construída a sede da Procuradoria-Geral de Justiça, em 2005, a árvore foi preservada, porém precisou de acompanhamento técnico, por estar ameaçada, e os engenheiros florestais do MP-AP, Alcione Cavalcante e José das Graças Torres, junto com assessoria técnica da Embrapa, foram os responsáveis pelo trabalho de recuperação. Inicialmente a samaúma era símbolo da Promotoria de Meio Ambiente, porém, a partir de 2006, passou a identificar a instituição do Ministério Público do Amapá.

Em junho deste ano, a pesquisadora e pós-doutoranda da Universidade do Arkansas (EUA), Daniela Granato de Souza, que ministrava curso para estudantes de Mestrado, Doutorado e Pós-Doutorado, utilizou a samaúma para explicar o método de dendrocronologia, que estuda a idade das árvores. Utilizando modernos equipamentos, o material foi coletado e, após a análise dos anéis de crescimento, foi confirmado que a samaúma tem 80 anos de existência.

Luau

O Luau na Samaúma é realizado desde 2017, um entretenimento saudável, para todas as idades, gostos e tendências, que aproxima a população do MP-AP e dos órgãos parceiros. A diversão, shows e exposições são gratuitas, realizada na Praça da Samaúma, localizada em frente ao edifício-sede da Procuradoria-Geral de Justiça – Promotor Haroldo Franco. Neste ano o evento voltou a ser realizado após a pandemia, com duas edições, em outubro, quando a homenagem foi aos 80 anos da criação do Território Federal do Amapá e, agora, homenageando a samaúma.

Confira a programação:

18h – Contação de histórias com Angelita

19h – Cortejo Artístico

19h30 – Apresentação de música instrumental

20h – Zé Miguel

21h – Grupo Entre Amigos

22h – Mauro Cotta

 

 

Texto: Mariléia Maciel