Saúde

700 mil preservativos serão distribuídos durante o carnaval do Amapá

Para garantir um carnaval mais seguro, o Governo do Amapá vai reforçar as ações preventivas com a distribuição de 700 mil preservativos durante os eventos carnavalescos, até o fim do feriado prolongado. O aporte foi repassado pelo Ministério da Saúde.

Foto: Ascom GEA

A mobilização busca prevenir as Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) ao longo das programações que serão promovidas em Macapá e nos demais municípios. A distribuição dos preservativos inicia na sexta-feira, 9, no Sambódromo, sob a coordenação da Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS).

Haverá dispensadores de preservativos ao longo do Sambódromo durante os desfiles das escolas de samba e, no trajeto de ‘A Banda’, na terça-feira, 13, a SVS prevê a distribuição de mais 20 mil camisinhas masculinas. A ação se estende, ainda, a outros eventos não oficiais do governo.

A Coordenadoria de Assistência Farmacêutica (CAF) é o setor responsável por fazer a entrega aos municípios, que irão distribuir os insumos. As empresas públicas e privadas podem fazer a retirada no prédio da SVS, na Avenida 13 de Setembro, nº 1889, bairro Buritizal.

O uso da camisinha externa ou interna, em todas as relações sexuais, é o método mais eficaz para proteção contra o HIV e outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST).

De acordo com o Sistema Nacional de Informações (Sinan) do Ministério da Saúde, em 2022 foram registrados 351 casos de HIV no Amapá. Em 2023, os números caíram para 170, e este ano, um caso foi comprovado.