Política

TRE Amapá fará o descarte de urnas eletrônicas do modelo 2009 nesta terça-feira, 30

O Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP), comprometido com a sustentabilidade fará a destinação ecologicamente correta de 734 urnas eletrônicas do modelo 2009, desativadas da Justiça Eleitoral amapaense.

A destinação responsável das urnas reduzirá significativamente o impacto ambiental, promovendo a reciclagem e reuso de materiais. Para isso foi contratada por meio de processo licitatório conduzido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), uma empresa especializada e reciclagem.

A empresa NGB Recuperação e Comércio de Metais Eireli, deve seguir rigorosos protocolos de segurança durante o transporte, incluindo o lacre dos caminhões para garantir a integridade do material até a chegada ao destino.

O presidente do TRE Amapá, desembargador João Lages, irá acompanhar o lacre do veículo, que ocorrerá na Cartório da 10° Zona Eleitoral nesta terça-feira,30, às 14:30.

Parque de urnas renovado:

O Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) recebeu para as Eleições Municipais de 2024 1.332 novas urnas eletrônicas, modelo UE 2022. A previsão é de que os novos equipamentos substituam os modelos antigos, datados de 2009, 2010 e 2011, que que já atingiram o ciclo de vida útil.

Com a renovação do parque de urnas, a Justiça Eleitoral Amapaense passará a operar os modelos 2020 e 2022 no pleito de 2024. Além disso, as urnas modelo 2015 serão transferidas para o TRE do Pará e os equipamentos datados de 2013 serão destinados para outro Regional.

Com a remessa, o TRE Amapá tem à sua disposição 2.150 urnas eletrônicas, sendo 828 modelo UE 2020 e 1.322 equipamentos de 2022.

 

Com informações do TRE Amapá