Educação Segurança

Servidores públicos recebem capacitação sobre prevenção e combate às drogas na escola

Ação faz parte da Semana Nacional de Políticas Sobre Drogas e é voltada para funcionários das áreas de Segurança Pública e Educação. 

O Governo do Amapá oportunizou capacitação para gestores e coordenadores pedagógicos da Segurança Pública e da Educação, com objetivo de criar ações efetivas direcionadas que permitam identificar sinais precoces de comportamentos de risco, como o uso de drogas e a violência, no ambiente escolar.

O encontro “Prevenção e combate às Drogas e Violência nas Escolas” encerrou na quinta-feira, 29, no Museu Sacaca. Uma das necessidades fundamentais desse projeto é a elaboração de protocolos efetivos para lidar com esses tipos de situações no ambiente escolar.

Esses protocolos servirão como guias práticos e embasados, proporcionando diretrizes claras para os profissionais da segurança pública e educação enfrentarem tais desafios de forma consistente e eficiente, como pontuou o secretário adjunto de Segurança de Estado de Segurança Pública (Sejusp), Paulo Reyner.

“Na Sejusp, foi criado o Programa de Segurança nas Escolas Amapaenses, o qual eu tenho a satisfação de falar que, por meio do Governo Federal, a proposta da Secretaria de Segurança foi aceita e nos foi aprovado o valor significativo de R$ 2,8 milhões de investimentos que serão implantados nos próximos meses e anos na segurança das escolas”, adiantou o gestor.

O gestor acrescenta que eventos violentos em escolas, como os registrados no país, não sejam tratados como ações pontuais e sim como uma política de estado que tenha continuidade e constância. Para isso, a Sejusp divulgou a aprovação do Programa de Segurança nas Escolas Amapaenses.

Um dos organizadores do evento é o Conselho de Prevenção, Tratamento, Fiscalização e Repressão do Uso Indevido de Substâncias Psicoativas do Amapá (Conen). A presidente da entidade, Elane Magno, detalhou o evento.

“No evento, temos profissionais da área da saúde mental, da segurança pública e da educação, para que, juntos, consigamos construir um protocolo, um produto final para que haja treinamento desses gestores para que reproduzam nas escolas atitudes que possam identificar esses problemas e mitigar essas situações”, explicou Elane.

O evento faz parte da Semana Nacional de Políticas Sobre Drogas é promovido pelo Conen, sob coordenação da Sejusp e da Secretaria de Estado de Educação (Seed).

 

 

Com informações de Marcelle Corrêa

Foto: Ascom/Sejusp