Geral

Presidente decreta três dias de luto oficial em homenagem a Zagallo

Ex-treinador e ex-jogador da seleção é a única pessoa a conquistar quatro títulos da Copa do Mundo de futebol da FIFA

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva decretou no início da tarde deste sábado, 6 de janeiro, luto oficial de três dias no país em memória ao ex-jogador e ex-treinador da Seleção Mario Jorge Lobo Zagallo. Em seu perfil na rede social X, Lula escreveu: “Em memória do eterno Mário Jorge Lobo Zagallo, está decretado luto oficial de 3 dias no país“. A decisão foi oficializada por meio do Decreto nº 11.877, publicado em edição extra do Diário Oficial da União.

Mais cedo, no mesmo perfil, o presidente havia rendido homenagem a Zagallo, única pessoa quatro vezes campeã da Copa do Mundo de futebol, duas vezes como jogador (1958 e 1962), uma como técnico (1970) e uma como coordenador técnico (1994). “Mário Jorge Lobo Zagallo foi um dos maiores jogadores e técnicos de futebol de todos os tempos, um grande vencedor e símbolo de amor pela Seleção Brasileira e pelo Brasil. Maior vencedor individual da história da Copa do Mundo, sendo campeão duas vezes como jogador, campeão e vice como treinador e campeão como coordenador da Seleção em 1994”, escreveu o presidente.

“O único a participar de quatro conquistas mundiais, dirigiu o maior time de futebol da história, a Seleção Brasileira de 1970. Corajoso, dedicado, apaixonado e supersticioso, Zagallo era exemplo de brasileiro que não desistia nunca. É essa lição e espírito de carinho, amor, dedicação e superação que ele deixa para todo o nosso país e para o futebol mundial. Nesse momento de despedida, minha solidariedade aos familiares de Zagallo, seus filhos e netos, aos amigos e aos milhões de admiradores”, completou o presidente.