Segurança

Polícia Civil conclui inquérito e pede ajuda para localizar indivíduo pela prática do crime de estupro de vulnerável em Porto Grande

A Polícia Civil do Estado do Amapá, por meio da Delegacia de Polícia de Porto Grande (DPPG), pede a ajuda da população com informações sobre o paradeiro de Evandro Martins Ramos, de 20 anos de idade, indiciado pela prática do crime de estupro de vulnerável. A vítima tem 10 anos de idade e é sobrinha do acusado.

De acordo com o delegado Aldarlon dos Santos, titular da DPPG, o inquérito policial foi concluído com o indiciamento e com a representação pela prisão preventiva de Evandro.

“Esse indivíduo abusou sexualmente da própria sobrinha, de 10 anos de idade, que por muito pouco, não veio a óbito. Ela precisou tomar duas bolsas de sangue. A mãe da criança, que é irmã de Evandro, também foi indiciada por estupro na condição de partícipe, uma vez que tentou encobrir o crime. Há informações de que, com a ajuda da família, Evandro está se escondendo no Estado do Pará, no município de Breves. Queremos a ajuda de todos com informações que nos levem a esse indivíduo”, explicou o delegado.

As informações podem ser repassadas através do disque-denúncia da Delegacia de Polícia de Porto Grande: (96) 99110-9217. O sigilo total dos denunciantes é garantido.

 

Com informações da Assessoria de Comunicação PC-AP