Geral

Inscrições em editais para consultorias em políticas digitais seguem até 9 de janeiro

Profissionais serão contratados para apoiar ações de enfrentamento à desinformação, uso consciente de telas por crianças e adolescentes e promoção da educação midiática e da integridade da informação no âmbito do G20

Termina na próxima terça-feira, 9 de janeiro, o prazo para os profissionais interessados em prestar consultoria na área de políticas digitais apresentarem seus currículos para concorrer às vagas dos editais lançados em dezembro pela Secretaria de Comunicação Social (Secom) da Presidência da República, a Unesco e a Agência Brasileira de Cooperação (ABC).

A iniciativa ocorre no âmbito do Acordo de Cooperação Técnica assinado pela Secom, Unesco e ABC em outubro de 2023, que criou o projeto “Promovendo o Acesso à Informação, o Exercício de Direitos, o Combate à Desinformação e a Defesa da Democracia”. Umas das frentes é o fortalecimento das políticas digitais no país.

Os editais de contratação de consultorias abrangem quatro temas: enfrentamento à desinformação, uso consciente de telas por crianças e adolescentes, promoção da educação midiática e integridade da informação no âmbito do G20. A cúpula do G20 de 2024 será realizada no Rio de Janeiro, sob a Presidência brasileira no bloco das principais economias do mundo.

“A Secom vai desenvolver uma série de ações ao longo deste ano para promoção da integridade da informação e a contratação dessas consultorias vai somar de forma qualificada no fortalecimento de políticas digitais no Brasil”, afirmou o secretário de Políticas Digitais da Secom, João Brant.

Os candidatos devem ter ensino superior completo nas áreas de comunicação, ciências humanas, ciências sociais, entre outras. As inscrições para as vagas indicadas abaixo estão disponíveis para consulta neste link. A duração dos contratos será de dez meses.

Elaboração de guia para o enfrentamento à desinformação sobre políticas públicas

Uma (1) vaga de consultoria para o desenvolvimento de produtos para o fortalecimento das medidas de enfrentamento à desinformação que afetam políticas públicas, com enfoque na atuação do Comitê de Enfrentamento à Desinformação sobre o Programa Nacional de Imunizações e as Políticas de Saúde Pública. Inclui levantamento de práticas e lições aprendidas, elaboração de toolkit e proposição de estratégias, metodologias, indicadores e padrões replicáveis para enfrentamento à desinformação em outras políticas públicas.

» Confira o edital

Elaboração de diretrizes nacionais de educação midiática e recomendações para a segunda versão da Estratégia Brasileira de Educação Midiática

Uma (1) vaga de consultoria para desenvolvimento de produtos para o fortalecimento da Estratégia Brasileira de Educação Midiática, incluindo o mapeamento de iniciativas, a proposição de princípios e diretrizes para a política pública voltadas ao seu amadurecimento teórico, político e pedagógico, a curadoria de conteúdos pedagógicos, e a elaboração de diretrizes nacionais e de planos de ação.

» Confira o edital

Elaboração de guia orientativo para uso consciente de telas e dispositivos digitais para crianças e adolescentes

01 (uma) vaga de consultoria para o desenvolvimento de produtos para a promoção do uso consciente de telas na infância e adolescência, considerando os impactos em aspectos como saúde mental e desenvolvimento infantil e a articulação de conhecimentos de campos como a comunicação, saúde, educação, tecnologia e direitos humanos. Inclui produção de relatório da Consulta Pública “Uso de telas por crianças e adolescentes”, proposição de princípios e diretrizes, acompanhamento de processos de escuta com públicos envolvidos e especialistas, acompanhamento e relatoria de Grupo de Trabalho e a elaboração de versões preliminares e final do guia orientativo.

» Confira o edital

Promoção da integridade da informação no âmbito do G20

02 (duas) vagas de consultoria para o desenvolvimento de produtos para qualificar a promoção da integridade da informação a partir da atuação do Estado brasileiro no âmbito do G20, sendo uma consultoria voltada à sistematização dos trabalhos do Núcleo Temático de “Integridade da Informação” no Grupo de Trabalho de Economia Digital da Trilha dos Sherpas do G20, presidido pelo Brasil, e outra consultoria voltada à produção de subsídios para organização de evento internacional sobre integridade da informação. Inclui sistematização e elaboração de documentos estratégicos, participação e relatoria de Grupo de Trabalho e produção de relatórios sobre a articulação com atores-chave e o apoio à organização de evento.

» Confira o edital