Cidades

Governo do Estado investe mais de 18 quilômetros em manutenção e conservação da Rodovia AP-070, em Macapá

O Governo do Amapá está realizando a conservação e manutenção em mais de 18 quilômetros de extensão da Rodovia AP-070, no trecho que inicia na comunidade de São Joaquim do Pacuí e finaliza em Santa Luzia do Pacuí, distritos de Macapá.

Os serviços e áreas escolhidos para os trabalhos foram indicados pelos líderes comunitários da própria região, após uma escuta ativa realizada pelo Governo no início de setembro. Com a indicação dos moradores, a Secretaria de Estado de Transportes (Setrap) iniciou as intervenções.

“O Governo do Amapá não mediu esforços para atender as comunidades da região do Pacuí. Nos 18 KM estamos fazendo alargamento da via, aterrado todos os buracos, erosões e terraplenagem. Estamos fazendo um levantamento para atender os ramais que interligam as demais comunidades dessa região à AP-070”, explicou Valdinei Amanajás, gestor da Setrap.

A obra garante mais qualidade e segurança na mobilidade dos moradores e facilita o escoamento agrícola para mais de 32 comunidades rurais e ribeirinhas que dependem da estrada.

Foto: Jamylle Nogueira/Setrap

Rodovia AP-070

Por todos os 79,11 quilômetros de extensão da Rodovia AP-070, as frentes de serviços foram intensificadas. A rodovia já recebeu 54,64 quilômetros de pavimentação asfáltica, além disso por toda extensão estão sendo feitos serviços de terraplenagem, e construção de 4 pontes de concreto, localizadas sobre o Rio Macacoari, Igarapé Preto, Igarapé Corre Água e outro igarapé sem identificação.

Ramais

O trabalho faz parte de uma estratégia do Governo do Amapá para aperfeiçoar a infraestrutura de rodovias e ramais, melhorando a qualidade de vida de comunidades ribeirinhas, quilombolas, indígenas e rurais. Desde janeiro de 2023, a Setrap intensificou a manutenção, recuperação e abertura em mais de 350 quilômetros de ramais no estado, entre eles:

  • Manutenção e conservação de 52 quilômetros de extensão do ramal Camaipi, em Mazagão, que faz conexão com a Rodovia AP-010;
  • Asfaltamento em cerca de 850 metros do Ramal Porto do Céu, no bairro coração, em Macapá, e manutenção e conservação de outros 9 quilômetros de extensão;
  • Manutenção e conservação em 16 quilômetros das Linhas D; B; F e C, em Macapá, que fazem conexão com a Rodovia AP-440;
  • Manutenção, conservação e abertura de vias em 8 quilômetros do Ramal Porto Alegre, no KM 14, que faz conexão com a BR-210;
  • Manutenção e conservação em 23,3 quilômetros do ramal do Goiabal, na AP-260, em Calçoene, que faz a interligação com a BR-156;
  • Manutenção e conservação em 57 quilômetros do ramal do Lourenço, na AP-260, em Calçoene, que faz a interligação com a BR-156;
  • Manutenção e conservação em 32 quilômetros do ramal Santa Luzia do Pacuí, na AP-070, em Macapá, que interliga à BR-156;
  • Manutenção e conservação em 8 quilômetros do ramal do Ariri, em Macapá, que interliga à BR-210;
  • Manutenção e conservação em 4,5 quilômetros do ramal do Mel da Pedreira, em Macapá, que interliga as rodovias BR-210 e BR-156.
  • Recuperação e conservação em 30 quilômetros de extensão do ramal do Karanã, em Mazagão, que faz conexão com a AP-010.
  • Manutenção e conservação em 35 quilômetros de extensão do ramal Porta do Cardã, em Laranjal do Jari e interligado à BR-156;
  • Manutenção e conservação em 27 quilômetros de extensão do ramal Traíra Sofimadame, em Calçoene, que interliga a BR-156;
  • Manutenção e conservação de 10 quilômetros do ramal do Carmo do Maruanum e Santa Luzia do Maruanum, em Macapá;
  • Terraplenagem de 10 quilômetros do ramal Farinha Seca, sendo que três quilômetros já estão asfaltados, em Macapá;
  • Manutenção e conservação de 3 quilômetros do ramal Totoia, em Santana, que interliga a Rodovia AP-010;
  • Manutenção e conservação de 2 quilômetros do ramal da flora, localizado em Santana, interliga a BR-010;
  • Conservação e manutenção de 19 quilômetros do ramal Piquiazal, em Mazagão velho, no início da AP-010 e término na AP-020.
  • Conservação da AP-020, (rodovia do camaipi) extensão de 52 km, no trecho que inicia na AP-010 e finaliza na BR-156;
  • Conservação e manutenção de 12 quilômetros de extensão do ramal KM 23, em Oiapoque.
  • Conservação e manutenção de 25 quilômetros de extensão dos ramais Piquiazal e Pioneiro, em Mazagão.

 

Com informações de Jamylle Nogueira