Cultura

Domingo de Páscoa iniciam os festejos para Santíssima Trindade e Divino Espírito Santo no Barracão do Mestre Pavão

O Marabaixo da Ressurreição marca o início do Ciclo do Marabaixo no barracão do Mestre Pavão, neste Domingo de Páscoa, 9 de abril, a partir de 16h. A família dos pioneiros Raimundo Lino Ramos, o Pavão, e Valdomira Ramos prepara-se para receber devotos e visitantes para mais um ano de festejos para a Santíssima Trindade de Divino Espírito Santo, continuando a tradição que envolve seis gerações. Caldo e gengibirra serão servidos, e para celebrar a páscoa, as crianças receberão chocolates.

A cultura do marabaixo é uma herança dos primeiros moradores de Macapá, que habitavam o centro da cidade, nas proximidades da Igreja Matriz São José, onde dançavam nas rodas de marabaixo, jogavam a carioca e faziam a devoção aos santos. Quando foram obrigados a deixar suas casas, nos anos 40, um grupo de negros foi para a Favela, atual Santa Rita, liderados por Gertrudes Saturnino, e Julião Ramos povoou o Laguinho, para onde levaram os costumes tradicionais. Mestre Pavão é neto de Julião Ramos e seus descendentes são os responsáveis pela organização e realização dos festejos.

No Laguinho festeja-se a Santíssima Trindade e o Divino Espírito Santo, de acordo com o calendário do Ciclo do Marabaixo, oficializado em 2004. A programação inicia após a quaresma, com o Marabaixo da Ressurreição, e depois de cinco semanas, continuam os festejos no Sábado do Mastro, seguido da Quarta-feira da Murta do Divino, Quinta-feira da Hora, Domingo do Mastro, Baile dos Sócios, novenas, Domingo do Divino Espírito Santo, Domingo da Santíssima Trindade, missas, e Domingo do Senhor, o primeiro após Corpus Christi, quando os mastros são derrubados e os festejos encerrados.

Mônica Ramos, filha de Mestre Pavão, garante que a família irá manter sempre a tradição, que não deixou de ser realizada nem nos momentos mais delicados, como o falecimento dos pais, o incêndio no barracão, ou com gestos de intolerância do qual foram vítimas no ano de 1996, quando um magistrado tentou intimidar os festeiros e o Mestre Pavão foi levado para a delegacia, fato que levou à criação da Confraria Tucuju. “Nossa família realiza os festejos com muito amor e fé, recebemos o público, fazemos a roda, as novenas, oferecemos o caldo, refeições e gengibirra, como era no tempo que nossos pais realizavam”.

Os devotos e visitantes que forem prestigiar a abertura dos festejos no barracão do Mestre Pavão serão convidados pela família a entrar na roda de marabaixo, onde as bandeiras acompanham os marabaixeiros, e podem fazer orações, promessa ou agradecer no altar, em que ficam as coroas da Santíssima Trindade e Divino Espírito Santo. O caldo e a gengibirra serão servidos, seguindo a tradição, para garantir que todos dancem e brinquem até o final da roda, à meia-noite.

Serviço:

Marabaixo da Ressurreição

Barracão do Mestre Pavão

Av: José Tupinambá entre Leopoldo Machado e Jovino Dinoá.

PROGRAMAÇÃO DO CICLO DO MARABAIXO 2023 – BARRACÃO DO MESTRE PAVÃO

9 de abril – Domingo de Páscoa

16h até meia noite – Marabaixo da Ressurreição

13 de maio – Sábado do Mastro

A partir de 8h – Quilombo do Curiaú

14 de maio – Domingo do Mastro

A partir de 10h – Cortejo, almoço em homenagem às mães, com sorteio de prêmio

18h – Roda de Marabaixo

17 de maio – Quarta-feira da Murta do Divino Espírito Santo

16h – Cortejo da Murta do Divino Espírito Santo

18h – Roda de Marabaixo até amanhecer da Quinta-feira da Hora, quando os mastros do Divino são levantados.

18 de maio

18h – Início das novenas do Divino Espírito Santo

19 de maio

22h – 1º Baile dos Sócios do Divino Espírito Santo

26 de maio –

22h – 2º Baile dos Sócios do Divino Espírito Santo

28 de maio – Domingo do Divino Espírito Santo

7:30 – Missa na igreja Jesus de Nazaré

9h – café da manhã no barracão do Mestre Pavão

13h – Almoço

16h – Marabaixo da Murta da Santíssima Trindade, até o amanhecer do dia seguinte, quando os mastros da Santíssima Trindade são levantados.

29 de maio

18h – Início da novena da Santíssima Trindade

02 de junho

22h – Baile dos Sócios da Santíssima Trindade

04 de junho – Domingo da Santíssima Trindade

07:30 – Missa da Santíssima Trindade na igreja Jesus de Nazaré

09h – Café da manhã no barracão do Mestre Pavão

07 de junho

22h – Baile de Corpus Christi

11 de junho – Domingo do Senhor

17h – Marabaixo do Senhor, derrubada dos mastros e encerramento do Ciclo do Marabaixo 2023.

 

 

 

Com informações da Assessoria de Comunicação