Cultura

Carnacult, o carnaval para quem também curte música regional será nos dias 10 e 24

Artistas amapaenses terão espaço para apresentar seus shows neste carnaval, uma alternativa que o Carnacult oferece para o público e cantores. Nos dias 10 e 24, o palco estará armado em frente à Casa do Artesão, para apresentação de 14 atrações regionais, a partir das 18h. O evento é uma realização da Liga Independente dos blocos Carnavalescos (LIBA), com o incentivo do Governo do Estado do Amapá (GEA) e direção musical de Fineias Nelluty.

Patrícia Bastos, Jimmy Feiches, Zé Miguel, Nivito Guedes, João Amorim, Osmar Junior e o grupo Wakerê são os convidados deste primeiro sábado de Carnacult. Canções de seus repertórios naturais, com composições autorais e parcerias, serão cantadas com o público que aproveita o circuito de carnaval e também um som regional neste período de folia.

O Carnacult é realizado há três anos, abrindo uma importante janela para a diversificação de estilos e participação de artistas em programações que atendem diferentes públicos.

“Esse é o intuito do carnaval, promover lazer e diversão, valorizar a cultura, incentivar o turismo e o empreendedorismo, e cada vez mais as pessoas aderem a essa variação. Uns curtem o carnaval no sambódromo, outros nas igrejas, independente de religião, em eventos alternativos como o Carnacult, e tem ainda os que aproveitam para ganhar dinheiro e aumentar a renda, ou simplesmente dormir. E para dar mais esta opção para a população, é que foi criado o Carnacult ”, disse Fineias.

As atrações começam a se apresentar no final da tarde, aproveitando o movimento da frente da cidade, quando muitas famílias e grupos de amigos aproveitam para passear nos finais de semana e podem curtir gratuitamente shows com artistas amapaenses em diferentes estilos, da Música Popular Amapaense (MPA) ao merengue e samba.

 

Com informações de Mariléia Maciel