Segurança

Candidatos do Concurso da PM no Amapá participam da 3ª fase do certame

Etapa é eliminatória e avalia o condicionamento físico dos participantes. Certame ainda inclui as avaliações psicológicas, exame de saúde e curso de formação.

O concurso para soldado da Polícia Militar está na terceira etapa, que consiste na Avaliação de Capacidade Física. Desde de quinta-feira, 2, os candidatos participam do teste, que é dividido em dois dias: o primeiro inclui corrida, abdominais e o exercício na barra. No segundo dia, os habilitados são avaliados na natação e no salto em altura.

Foram convocados para o teste 595 candidatos divididos em três turmas. A etapa iniciou com a avaliação da primeira turma, em 2 e 3 de fevereiro. A segunda turma é avaliada nos dias 6 e 7 de fevereiro e o terceiro grupo, nos dias 8 e 9, encerrando a etapa.

Foto: Maksuel Martins/ Secom

A PM alerta que, em caso de não comparecimento, não aprovação em alguma das atividades ou comparecimento fora do horário, o candidato estará automaticamente eliminado. Os participantes devem chegar ao local de prova às 6h, pois às 6:30h, os portões são fechados.

“Pedimos que os candidatos cheguem antes do horário para não haver atrasos. Inclusive, como consta em edital, o candidato pode ser eliminado”, lembrou o capitão Edson Cavalcante, porta-voz da Polícia Militar.

Os exames definidos no edital para os habilitados da terceira fase são a corrida de 12 minutos, resistência abdominal, flexão de cotovelos na barra fixa, salto em altura e natação.

“Os candidatos têm que fazer o índice mínimo constado no edital. Aqui eles receberão as mesmas informações que estão no edital, serão orientados como fazer a prova. A corrida para as candidatas é de 2 metros e 100, em 12 minutos e dos candidatos é de 2 metros e 300, em 12 minutos”, explicou Cavalcante.

O TAF

O Exame de Aptidão Física é composto por um conjunto de testes, com cargas de exercícios físicos que avaliam parâmetros de força, coordenação, capacidade aeróbica e anaeróbica.

Dependendo do desempenho físico no momento da execução dos testes, o candidato será considerado apto para a quarta fase do concurso. Cada participante deve cumprir com habilidade o que lhe for exigido, obtendo os índices previstos nas respectivas tabelas para o masculino e feminino.

“Esse teste tem a finalidade de termos um candidato preparado para o Curso de Formação e também para o serviço policial militar, que é um serviço dinâmico, não é um serviço fácil. O candidato precisa ter esse mínimo de condicionamento físico”, diz o capitão Edson Cavalcante.

Terminando a fase física, os habilitados passam para a quarta fase, a Avaliação Psicológica. Em seguida, acontece o Exame de Saúde e por fim, na sexta fase será realizada a Investigação Social, todas com caráter eliminatório.

Após todo o processo, seguindo as diretrizes do Plano do Governo do Amapá em garantir capacitação para os profissionais da segurança pública do estado, esta será a primeira turma de policiais militares a iniciar o Curso de Formação de Soldados, equivalente a uma graduação de nível superior, a de Tecnólogo em Segurança Pública.

 

Texto: Marcelle Corrêa