Saúde

Amapá salta de 16% para 72,1% na cobertura vacinal e alcança a 1ª posição entre estados do Brasil

Estado lidera vacinação contra Influenza no Brasil; força-tarefa combate surto de síndromes gripais.

O Amapá alcançou a 1ª posição entre estados do Brasil que mais aplicaram a vacina contra Influenza. Dados apresentados pela Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS-AP) nesta sexta-feira, 26, apontam que em 13 dias, o estado saltou de 16% para 72,1% de cobertura vacinal do público prioritário.

As crianças, as mais afetadas pelo surto de síndromes respiratórias que o Amapá enfrenta, foram alvo da mobilização do Governo e municípios. De acordo com a SVS, 65,78% delas, com idade até 6 anos, receberam a vacina.

“Estamos muito orgulhosos de receber esse balanço. As equipes trabalham muito para atender a população da melhor maneira possível em busca das metas vacinais”, frisou a superintendente da SVS, Margarete Gomes.

Os dados foram anunciados no Palácio do Setentrião, quando o Governo fez repasse de R$ 2,7 milhões em recursos que reforçarão as ações de saúde dos 16 municípios, incluindo as campanhas de imunização.

Foto: Arquivo e Márcia do Carmo/GEA

“O município que ainda está com uma baixa cobertura, poderá utilizar esse recurso para ampliar a campanha, fazer busca ativa, ir de casa em casa, para aumentar a imunização. Esse valor chega em um momento importante, que vai ajudá-los a bater a meta, que é de 90%”, destacou o governador Clécio Luís.

Os municípios com o melhor desempenho foram Porto Grande, com alcance de 93,60%; Calçoene, com 92,92%; e Ferreira Gomes, com 92,75% de cobertura. Todos ultrapassaram a meta preconizada pelo Ministério da Saúde, que é de 90%.

Liderando a vacinação, o prefeito de Porto Grande, José Bessa, pontuou que o município instalou uma força-tarefa para alavancar a cobertura vacinal.

“Fizemos busca ativa, realizamos campanhas de conscientização da população sobre a importância da vacina. Foi grande mobilização com o apoio do Governo do Estado. Esse resultado, de atingirmos o primeiro lugar na cobertura vacinal, me deixa muito satisfeito porque é reflexo do esforço de todos”, concluiu Bessa.

O prefeito de Calçoene, Reinaldo Barros, destacou as dificuldades que o município enfrentou para levar as vacinas para as localidades mais distantes, além do combate contra a desinformação.

“Temos comunidades com difícil acesso, enfrentamos a rejeição de pessoas em tomar a vacina, mas todo o esforço teve a recompensa. Nosso município atingiu a meta, atingiu mais de 90% da população vacinada”, ressaltou Barros.

No início desta semana, mais de 100 mil doses da vacina contra a influenza chegaram ao Amapá. A remessa foi enviada pelo Ministério da Saúde atendendo a um pedido do Governo do Estado para reforçar a campanha em todos os municípios.

Veja a cobertura vacinal contra influenza dos 16 municípios:

  • Porto Grande: 93,60%
  • Calçoene: 92,92%
  • Ferreira Gomes: 92,75%
  • Amapá: 86,54%
  • Pedra Branca do Amapari: 84,16%
  • Oiapoque: 80,72%
  • Tartarugalzinho: 75,08%
  • Laranjal do Jari: 73,76%
  • Vitória do Jari: 73,56%
  • Macapá: 72,95%
  • Pracuúba: 71,22%
  • Santana: 63,27%
  • Itaubal: 62,64%
  • Serra do Navio: 51,97%
  • Mazagão: 50,04%
  • Cutias: 44,49%

 

Com informações de Mônica Silva